Equipotencial: uma propriedade superficial da água

A gravidade faz com que a água procure o menor potencial, o que pode ser simplificado como a posição mais próxima possível do centro de gravidade da Terra. Como resultado, a superfície da água terá uma superfície equipotencial e formará uma superfície aproximadamente esférica que tem o mesmo centro que a Terra. Cada local ao longo da superfície tem o mesmo potencial.

Terraplanistas insistem que a água é sempre plana porque é o que observam. Eles concluiriam que a superfície da água é sempre plana, não importa o tamanho do recipiente. Tomar tal conclusão é uma extrapolação grosseira e excessiva.

Na realidade, é o contrário: a água forma uma superfície esférica que tem o mesmo centro que a Terra. Mas em uma quantidade pequena o suficiente, pode ser aproximado que a superfície é praticamente plana. A curvatura está, sem dúvida, ali, mas muito pequena e insignificante.

Em uma superfície geograficamente ampla – como um mar ou um oceano – a aproximação não é mais aplicável. Uma superfície de água perfeitamente plana não é equipotencial e nunca ficará em repouso. Fluirá até que sua superfície forme uma curvatura que tenha o mesmo centro da Terra.

A superfície da água é equipotencial: é nivelada, mas não perfeitamente plana.

Referência