Comunicação por fibra óptica vs satélite

A comunicação por fibra óptica é um método de transmissão de dados enviando pulsos de luz através de uma fibra óptica. Atualmente, a maioria das comunicações de dados envolve uma conexão de fibra óptica. No entanto, existem outros métodos de transmissão de dados, incluindo satélites.

Os Terraplanistas usam a comunicação por fibra ótica como “prova” da inexistência de satélites. Tal linha de pensamento é uma falácia da generalização apressada. Usando a mesma “lógica”, podemos usar a existência de carros para “provar” que os trens não existem.

A vantagem das fibras ópticas é a menor latência. Os dados enviados de um final chegarão ao outro lado em muito pouco tempo. Baixa latência é essencial em comunicações em tempo real ou jogos online. Outra vantagem é sua alta capacidade. Teoricamente, um fio de fibra óptica pode ter uma largura de banda de até 1000000 Gbps, muito acima da de um fio de cobre de tamanho comparável e muito acima da capacidade total de largura de banda de um único satélite. E uma conexão significativa de fibra óptica entre dois países possui centenas ou mesmo milhares de fios de fibra óptica.

Comparado aos satélites, a principal desvantagem das fibras ópticas é sua característica ponto a ponto. Para chegar a um local, o provedor de serviços deve fazer uma conexão física. Por outro lado, um único satélite já cobre uma vasta área que abrange vários países. Tudo o que é necessário ter um link é instalar um transceptor no local específico.

Em um local remoto ocupado por apenas uma pequena população, uma conexão de fibra óptica pode ser antieconômica. Nesses casos, uma conexão via satélite pode ser muito mais barata.

Referências